Siem Reap além dos templos: o artesanato Khmer

Além dos templos: as oficinas de artesanato Khmer em Siem Reap

 

Destino ainda pouco explorado por brasileiros, o Camboja recebeu 5 milhões de turistas em 2016, número duas vezes maior do que no ano de 2010, segundo o Departamento de Informações Turísticas Nacional. A maioria se apinha nos templos de Angkor Wat, em Siem Reap, especialmente para ver o nascer do sol, e logo segue viagem para outro destino. O que é uma pena!

Há quatro anos, a principal cidade do Camboja vive um boom turístico e uma breve pesquisa revela que há muito o que fazer por ali além de visitar os templos. Chefs nacionais estão resgatando os sabores da culinária tradicional Khmer (grupo étnico predominante no país), oferecendo uma experiência gastronômica nova para os visitantes.

E tem mais! ONGs e empresas nacionais e estrangeiras uniram esforços para recuperar as tradições Khmer perdidas durante os anos violentos do regime Khmer Vermelho, quando a cultura local foi praticamente exterminada. Essas ONGs fundaram escolas técnicas e oferecem cursos de formação para a população rural, criando oportunidades de emprego para um povo ainda muito carente de educação.

Várias oficinas de artesanato estão abertas ao público e demonstram todas as etapas do processo de fabricação artesanal de cerâmica, seda, tecelagem, escultura, marchetaria, pintura, laca… um caldeirão de cultura num único lugar.

Siem Reap_Camboja

Oficina de artesanato em Siem Reap – Foto cortesia Angela Manta

Uma visita a essas oficinas deve estar obrigatoriamente no seu roteiro de viagem a Siem Reap. Acredite, você ficará impressionado com a habilidade dos artesãos e a qualidade dos produtos finais.

Uma dica: leve seu cartão de crédito, você precisará dele.

 

Sugiro aqui as oficinas imperdíveis para você conhecer em Siem Reap.

  • Oficinas de artesanato Artisans d’Angkor

Estabelecida em 1998, Artisans d’Angkor se tornou referência em artesanato refinado no país. Pioneira no desenvolvimento do projeto de formação profissional, emprega 1300 funcionários locais. Boa parte da decoração de hotéis de luxo, restaurantes refinados e grandes empresas tem a assinatura deles.

Um endereço no coração de Siem Reap concentra oficinas onde o visitante faz um tour informativo com um guia local e vê em tempo real como são feitas as peças. Uma ao lado da outra, o tour proporciona uma imersão na tradição artesã Khmer. Inicie pelos entalhes em madeira e pedra, para depois seguir para as oficinas de utensílios em cobre e laca, cerâmica, joias e pintura em seda.

Uma visita à loja é mandatória, mesmo que seja apenas para admirar o produto final. Difícil será sair sem levar ao menos uma lembrança para casa. Aproveite porque os preços são impressionantemente baratos.

Siem Reap_Camboja

Oficina em Artisans d’Angkor – Foto cortesia Angela Manta

Siem Reap_Camboja

Loja Artisans d’Angkor – Foto cortesia Angela Manta

 

  • Fazenda de Seda Angkor

Um pouco mais distante do centro da cidade, esta fazenda de seda também pertence ao grupo Artisans d’Angkor. Aqui vemos o passo a passo da produção da seda cambojana, em um tour guiado, desde a formação dos casulos até a tecelagem, um processo inteiramente artesanal.

Dica: você pode contratar um carro particular para ir até a fazenda ou seguir no ônibus da própria empresa que sai da oficina central (acima) às 9h30 ou às 13h30.

Recomendo reservar com antecedência pelo site da Fazenda de Seda Angkor e solicitar acompanhamento da guia Nuné, que fala português e tem paixão pelo trabalho.

Siem Reap_Camboja

Casulos de bicho da seda cambojana – Foto cortesia Angela Manta

Siem Reap_Camboja

Tecelagem de seda manual na fazenda – Foto cortesia Angela Manta

 

  • Sombai Wine Rice

Esta pequena fábrica em Siem Reap produz artesanalmente vinhos de arroz aromatizados, em um processo que mistura as culturas do Camboja e das Ilhas Maurício, origem do proprietário, Lionel. Mediante reserva, ele mesmo busca os visitantes no hotel em um tuc-tuc elétrico, para uma degustação de vinhos, indo do mais seco e amargo ao mais doce.

Frutas e especiarias são mergulhadas nos destilados e lá ficam por até três anos, até o sabor chegar ao ponto ideal. Então são colocadas em garrafas de vidro de diferentes formatos e tamanhos e pintadas à mão, todos desenhos exclusivos.

Dica: faça a reserva pelo site www.sombai.com.

Siem Reap_Camboja

Lionel explica a produção de vinhos na fábrica Sombai Wine Rice – Foto cortesia Angela Manta

Siem Reap_Camboja

Garrafas pintadas a mão da fábrica Sombai Wine Rice – Foto cortesia Angela Manta

 

Mais dicas:

 

Siem Reap

Incrustada na selva, a antiga cidade de Angkor Wat é a principal atração para os visitantes de Siem Reap. A proximidade da cidade ao lendário complexo de arenito a torna a porta de entrada ideal para passeios e itinerários mais longos. É o local perfeito para relaxar e se descontrair em um restaurante local, depois de um longo dia explorando o maior monumento religioso do mundo, ou para armazenar lanchinhos antes de enfrentar os 60 quilômetros quadrados de passagens e palácios.

Conheça uma de nossas sugestões de pacotes para Siem Reap e personalize seu roteiro com seu agente de viagem.

Copyright © 2017. Agência de Viagens Kangaroo. Todos os direitos reservados.