indonésia

Para uma visita tranquila, sem incidentes, é importante conhecer os costumes e particularidades de cada cultura. Por mais amigável que os balineses sejam, é sempre importante entender a forma como se comportam para aproveitar ao máximo a experiência.

 

1. Evite ofensa

Esteja atento às sensibilidades locais e procure se vestir e agir de forma adequada e respeitosa, especialmente nas aldeias rurais e nos locais religiosos. Em caso de dúvida, deixe que as palavras “modesto” e “humilde” seja o seu guia no que diz respeito à vestimenta e atitude.

  • Um número crescente de jovens balineses adotam a forma de vestir dos visitantes, o que significa que você verá shorts em muitos lugares. No entanto, roupas excessivamente reveladoras ainda são mal vistas.
  • Muitas mulheres fazem topless nas praias de Bali, mas esta prática não é recomendável, principalmente em praias menos turísticas.
  • Chinelos são aceitáveis ​​nos templos se você estiver bem vestido; mas se você estiver indo para um escritório do governo, é preciso escolher algo mais formal.
  • Tire os sapatos antes de entrar numa mesquita ou na casa de alguém.
  • Não toque ninguém na cabeça, pois é considerada a morada da alma e, portanto, é sagrada.
  • Passe as coisas com a mão direita. Para mostrar mais respeito, passe algo usando as duas mãos.
  • Tenha cuidado em falar com as mãos nos quadris, pois é um sinal de desprezo, raiva ou agressão (como mostrado na dança tradicional e na ópera).
  • Apertar as mãos é normal para homens e mulheres tanto ao apresentar alguém como par cumprimentar.
Bali

Foto Shutterstock

 

2. Etiqueta no templo

Não tem escapatória: você vai visitar algum templo durante a sua visite à Bali. Eles estão em todos os lugares – sejam pequenos ou grandes, na cidade ou nas áreas rurais, famosos ou locais. São uma forma dos visitantes entenderem a cultura indonésia e certamente vale a pena fazer uma visita guiada. Seguem algumas dicas de vestimenta e comportamento.

  • Os estrangeiros podem entrar na maioria dos complexos de templos se decentemente vestidos. Normalmente, roupas limpas e arrumadas e um selandong (lenço tradicional) ou um sarong para amarrar em torno da cintura – alguns templos os têm para aluguel ou mediante uma doação – é um exemplo aceitável de respeito aos deuses.
  • Deve-se mostrar respeito ao sacerdotes, particularmente em festivais. Não se coloque acima deles, por exemplo, subindo em um muro para tirar fotos, já que seria sinal de desrespeito.
  • Geralmente há uma placa na entrada dos templos alertando para que os visitantes sejam respeitosos e pedindo que mulheres menstruadas não entrem. Neste período, acreditam que as mulheres são sebel (ritualmente impuras), assim como as mulheres grávidas, que deram a luz recentemente ou em luto recente.
Templos-Bali

Roupas modestas e respeito são muito importantes na visita a templos na Indonésia.
Fotos Freeimages

Templo Bali

Entrada de templo durante festival na Indonésia.
Foto Freeimages

 

3. Perguntas e mais perguntas

O povo balinês gosta de fazer perguntas. Onde você está ficando? De onde você vem? Você tem namorado? Você é casado/a?

Você vai ouvir estas perguntas dezenas de vezes e é uma forma tradicional de mudar o status de completamente desconhecidos para conhecidos. Por mais invasivo que pareça, é parte da cultural local e respondendo apenas “logo ali” e continuar andando, não cria problema nenhum.

 

4. Oferendas

Embora os turistas em Bali possam pensar que são convidados de honra, os verdadeiros convidados de honra são os deuses, os antepassados, os espíritos e os demônios que vivem em Bali. Eles recebem oferendas durante todo o dia para mostrar respeito e gratidão, ou talvez subornar um demônio para ser menos pernicioso.

O presente para um ser superior deve ser atraente, então cada oferenda é uma obra de arte. A forma básica é comida fresca disposta em uma folha de palmeira e coroada com um saiban (decoração de folhas de palmeira). Uma vez apresentada aos deuses, não pode ser usada novamente, então são feitas novas repetidas a cada dia, geralmente por mulheres. Como cada vez mais mulheres trabalham, numa visita ao mercado você vai encontrar oferendas à venda.

Enquanto os presentes podem ter diversas forma, geralmente tem o tamanho de um livro. Você vai ver flores, comida (especialmente arroz) e alguns itens mais simples, como biscoitos.  Templos e ocasiões mais importantes exigem prendas mais elaboradas, que podem incluir dezenas de frutas cítricas e até animais inteiros cozidos e prontos para comer.

Uma coisa que não precisa se preocupar é em pisar nas oferendas. Dada a sua presença em todas as partes, é quase impossível (só não o faça de propósito). Na verdade, na Bemo Corner em Kuta, as oferendas são deixadas na frente do santuário no meio da rua, onde são rapidamente atropelados por táxis. E em toda a ilha, os cachorros esgueiram-se em torno de oferendas frescas, especialmente as bolachas. Dado que deuses ou demônios absorvem a essência de uma oferta instantaneamente, os cachorros estão realmente pegando os restos.

Indonésia

Oferendas tradicionais para os deuses, com flores e incensos.
Foto Shutterstock

 


Leia mais:

 

 

Quer conferir estas dicas pessoalmente? Acesse o site da Kangaroo para conferir as nossas sugestões de pacote para a Indonésia. Se preferir, fale com o seu agente de viagem de preferência para montar um roteiro personalizado de acordo com as suas necessidades, objetivos e orçamento.